sábado, maio 14, 2016

de de

Junte as pequenas alegrias


        Você já parou para pensar que a vida é curta demais para ficar perdendo tempo com coisas inúteis? Que os pensamentos ruins, as tristezas supérfluas, o orgulho, fizeram você perder de viver ótimos momentos perto de pessoas que gosta?
        Faz parte da nossa humanidade carregar uma bagagem generosa quando o assunto é mágoa, isso eu tenho certeza que você sabe bem. É natural todos nós levarmos algum tempo para perdoar e admitir que perdoamos alguém, quando essa pessoa nos causou uma dor bem forte, e acabarmos nos afastando um pouco dessa pessoa enquanto não vencemos nosso orgulho. Também faz parte de ser quem somos, perder tempo reclamando de tudo o que dá errado, e ficar analisando todos os pontos negativos que surgem na nossa vida, sem permitir que nossos olhos se voltem para as coisas boas. Mas, isso nos leva a algum lugar? Quer dizer, fazer isso realmente pode nos ajudar em algo?
        Sua cabeça deve ter feito sinal que não, né? Ou pelo menos sua boca se mexeu para sinalizar que tudo isso tem que fazer parte de um passado, porque não pode te ajudar em nada, e não deve ter um lugar no presente. Sentir orgulho, fazer birra e nunca "dar o braço a torcer" nos torna pessoas fechadas e tristes, porque acabamos nos isolando do amor, e consequentemente, da alegria.
Não devemos cultivar pensamentos ruins sobre as coisas que nos acontecem, e muito menos sobre as pessoas, pois isso só fará mal a nós mesmos, que estaremos nos envenenando aos poucos, de dentro para fora. No lugar disso, por que não experimentar enxergar um lado positivo em tudo o que parece ruim?
        E se aquela pessoa que você não gosta tiver algo de bom, e está só esperando você dar um primeiro passo para despertar isso nela? E se você trocasse todas as suas análises sombrias sobre a vida, e passasse a reparar nas pequenas coisas boas que acontecem a você? E mais do que isso...  Se você contasse as pequenas alegrias que você ganha dia após dia e nunca dá valor? Se você fosse capaz de valorizar aquele sorriso que um estranho te deu na rua, aquele desconto extra sem você pedir na padaria, aquele presente sem um motivo e sem data especial que você ganhou, aquele beijo que alguém te roubou, aquele banho de chuva gostoso que te pegou de surpresa. E se a gente juntasse as pequenas alegrias, você não acha que seríamos felizes todos os dias?!
     

3 comentários:

  1. ÉÉ...muitas vezes não damos valor as pequenas coisas e acabamos perdendo muitoo tempo com mágoas e reclamações!
    Precisamos reaprender a viver na simplicidade...

    AMEI seu blog!
    Você comentou no meu alguns dias atrás, mas não tinha conseguido vir aqui visitar ainda! Você escreve muito bem!
    Vou começar a "frequentar" rsrs

    bjos
    https://aninhamorando.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Ahh, muito obrigada, lindaa! Deus continue te abençoando sempre, e seja bem-vinda ao meu cantinho! Espero que Ele possa me usar para falar com você também!Fico lisonjeada com suas palavras e sua presença aqui, admiro teu trabalho, tua serventia a Deus e teu foco nEle há um tempo, e sempre que dá estou dando um pulinho no teu blog!! ♥ É muito ungido!! Beijoss!

    ResponderExcluir